de Palíndromos e Tautologias

VOCÊS SABEM O QUE É UM PALÍNDROMO?
 NÃO?!
 QUE ABSURDO!!!

Palíndromos

Um palíndromo, como vc deve saber, é uma palavra ou um número que se lê da  mesma maneira nos dois sentidos normalmente, da esquerda para a direita e ao  contrário.

Exemplos: OVO, OSSO, RADAR. O  mesmo se aplica às frases, embora a coincidência seja tanto mais difícil de conseguir quanto maior a frase; é o caso do  conhecido:

SOCORRAM-ME, SUBI NO ONIBUS EM MARROCOS.

Diante do interesse pelo assunto (confesse, você leu a frase de trás pra  frente), tomamos a liberdade de selecionar alguns dos melhores palíndromos da  língua de Camões…
Se você souber de algum, acrescente e passe adiante.


ANOTARAM A DATA DA MARATONA

ASSIM A AIA IA A MISSA

A DIVA EM ARGEL ALEGRA-ME A VIDA

A DROGA DA GORDA

A MALA NADA NA LAMA

A TORRE DA DERROTA

LUZA ROCELINA, A NAMORADA DO MANUEL, LEU NA MODA DA ROMANA: ANIL  É COR AZUL

O CÉU SUECO

O GALO AMA O LAGO

O LOBO AMA O BOLO

O ROMANO ACATA AMORES A DAMAS AMADAS E ROMA ATACA O NAMORO

RIR, O BREVE VERBO RIR

A CARA RAJADA DA JARARACA

SAIRAM O TIO E OITO MARIAS
ZÉ DE LIMA RUA LAURA MIL E DEZ
     
PROFUUUUUUNDO!  
ISSO É QUE É CULTURA!!!!
                                                                                                                           
E já agora

Você sabe o que é tautologia?

É o termo usado para definir um dos vícios de linguagem. Consiste na repetição de uma ideia, de maneira viciada, com palavras diferentes, mas com o mesmo sentido.
O exemplo clássico é o famoso ‘subir para cima’ ou o ‘descer para baixo’. Mas há outros, como você pode ver na lista a seguir:
– elo de ligação
– acabamento final
– certeza absoluta
– quantia exacta
– nos dias 8, 9 e 10, inclusive
– juntamente com
expressamente proibido
– em duas metades iguais
– sintomas indicativos
– há anos atrás
– vereador da cidade
outra alternativa
– detalhes minuciosos
– a razão é porque
– anexo junto à carta
– de sua livre escolha
– superávit positivo
todos foram unânimes
– conviver junto
– facto real
– encarar de frente
– multidão de pessoas
– amanhecer o dia
– criação nova
– retornar de novo
– empréstimo temporário
– surpresa inesperada
– escolha opcional
– planear antecipadamente
– abertura inaugural
continua a permanecer
– a última versão definitiva
possivelmente poderá ocorrer
– comparecer em pessoa
– gritar bem alto
– propriedade característica
demasiadamente excessivo
– a seu critério pessoal
– exceder em muito .

Note que todas essas repetições são dispensáveis.
Por exemplo, ‘surpresa inesperada’. Existe alguma surpresa esperada?  É óbvio que não.
Devemos evitar o uso das repetições desnecessárias. Fique atento às expressões que utiliza no seu dia-a-dia.

Gostou?
Re-envie para os amigos amantes da língua portuguesa.

 

neologismos do Brasil

Antes era: creme rinse – Agora é: condicionador
Antes era: obrigado – Agora é: valeu
Antes era: collant – Agora é : body
Antes era: rouge – Agora é: blush
Antes era: ancião e corôa, idoso – Agora é: Véi
Antes era: bailinho e discoteca – Agora é: balada
Antes era: japona – Agora é: jaqueta
Antes era: nos bastidores – Agora é: making off
Antes era: cafona – Agora é: brega
Antes era: programa de entrevistas – Agora é: talk-show
Antes era: reclame – Agora é: propaganda, comercial
Antes era: calça cocota – Agora é: calça cintura baixa
Antes era: flertar, paquerar – Agora é: dar mole
Antes era: oi, olá, como vai? – Agora é: e aê?
Antes era: cópia, imitação – Agora é: genérico
Antes era: curtir, zoar – Agora é: causar
E ainda tem mais…

Antes era: mamãe posso ir? – Agora é: véiaaaa, fui!!!
Antes era: legal, bacana – Agora é: manero, irado
Antes era: mulher de vida fácil – Agora é: garota de programa
Antes era: legal o negócio – Agora é: xapado o baguio
Antes era: pasta de dente – Agora é: creme dental
Antes era: cansaço – Agora é: estresse
Antes era: desculpe – Agora é: foi mal
Antes era: oi, tudo bem? – Agora é: e aê, belê?
Antes era: ficou chateada – Agora é: ficou bolada
Antes era: médico de senhoras – Agora é: ginéco
Antes era: super legal – Agora é: irado
Antes era: primário e ginásio – Agora é: ensino fundamental
Antes era: preste atenção – Agora é: se liga na bagaça
Antes era: por favor – Agora é: quebra essa
Antes era: recreio – Agora é: intervalo
Antes era: radinho de pilhas – Agora é: ipod
Antes era: manequim (ou mulherzinha àtoa) – Agora é: modelo e atriz
Antes era: retrato – Agora é: foto
Antes era: jardineira – Agora é: macacão
Antes era: mentira – Agora é: kaô
Antes era: saquei (morô) – Agora é: tô ligado
Antes era: entendeu? – Agora é: copiou?
Antes era: gafe – Agora é: mico
Antes era: fofoca – Agora é: babado
Antes era: ha ha há – Agora é: uhauhauhauha
Antes era :fotocópia – Agora é : xerox
Antes era: brilho labial – Agora é: gloss
Antes era :bola ao cesto – Agora é: basquete
Antes era: folhinha – Agora é: calendário
Antes era: empregada doméstica – Agora é: secretária do lar
Antes era: faxineira – Agora é: diarista
Antes era: vou verificar – Agora é: vou estar verificando
Antes era: madureza – Agora é: supletivo
Antes era: vidro fumê – Agora é: insulfilm
Antes era: posso te ligar? – Agora é: posso te add?
Antes era: tingir uma roupa – Agora é: customizar
Antes era: dar no pé – Agora é: vazar
Antes era: embrulho – Agora é: pacote
Antes era: lycra – Agora é: stretch
Antes era: tristeza – Agora é: deprê
Antes era: beque – Agora é: zagueiro
Antes era: rádio patrulha – Agora é : viatura
Antes era: atlético – Agora é: sarado
Antes era: peituda – Agora é: siliconada
Antes era: professor de ginástica – Agora é: personal trainning
Antes era :quadro negro – Agora é : lousa
Antes era: babosa – Agora é: aloe vera
Antes era Ave Maria!!! – Agora é – Afffff!!
Antes era: caramba – Agora é: caraca
Antes era: namoro – Agora é: pegação
Antes era: laquê – Agora é: spray
Antes era: de montão – Agora é: pracarai !!!
Antes era: derrame – Agora é: AVC
Antes era: sua bênção papai – Agora é: “qualé”, véi (coroa)?
Antes era: a sua bênção, mamãe. Agora é: “E aê, Mocréia? Beleza?
Antes era: você tem certeza? – Agora é: fala sério aê!
Antes era: banha – Agora é : gordura localizada
Antes era: casa de fundos – Agora é: edícula
Antes era: bar no fim do expediente – Agora é: happy hour
Antes era: costureira – Agora é: estilista
Antes era: negro – Agora é: afro-descendente
Antes era: professora – Agora é: tia, profe
Antes era: aquele senhor – Agora é: aquele tiozinho
Antes era: Amorrrrrrr! – Agora é: Benhhêêêêê !
Antes era: olha o barulho! – Agora é: ó o auê aí, ô !

D. Sebastião foi preso em Itália – pelo que não pode voltar em manhã de nevoeiro

O rei D. Sebastião sobreviveu à batalha de Alcácer-Quibir e reapareceu no ano de 1598 em Itália, onde foi mais tarde preso em Veneza, Florença e Nápoles, com a cumplicidade dos espanhóis. Quem o escreve é a historiadora Maria Luísa Martins da Cunha no terceiro volume do livro ‘Grandes Enigmas da História de Portugal’, que é lançado hoje e a que o CM teve acesso.

Source: D. Sebastião foi preso em Itália – Cultura – Correio da Manhã

Carlos Paredes (imortal) reinventando Zeca Afonso

20 hrs ·

https://www.facebook.com/watch/?v=10152371330927541

-7:33
383,716 Views
Café PORTUGAL

• Carlos Paredes • “Cantigas do Maio” •
►Concerto em 1992, no Teatro São Luiz em Lisboa.
• Carlos Paredes reiventa a canção de José Afonso, acompanhado à viola por Fernando Alvim • As vozes são de Nuno Guerreiro e Natália Casanova • No órgão e acordeão, Manuel Paulo •

https://www.facebook.com/video.php?v=10152371330927541

https://www.facebook.com/cafportugal/videos/10152371330927541/

►Concerto em 1992, no Teatro São Luiz em Lisboa.
• Carlos Paredes reinventa a canção de José Afonso, acompanhado à viola por Fernando Alvim • As vozes são de Nuno Guerreiro e Natália Casanova • No órgão e acordeon, Manuel Paulo •

casamento ou pedofilia em Moçambique»

Criancinhas a casar a ter filhos a anularem se …

1 em cada 2 meninas casa antes dos 18 anos, e 1 em cada 10 já está casada antes dos 15 anos. Leia o relatório Situação das Crianças em Moçambique 2014 que tem como objectivo analisar, de uma forma objectiva, a actual situação das mais de 12 milhões de crianças em Moçambique. http://sitan.unicef.org.mz/

1 em cada 2 meninas casa antes dos 18 anos, e 1 em cada 10 já está casada antes dos 15 anos.

Leia o relatório Situação das Crianças em Moçambique 2014 que tem como objetivo analisar, de uma forma objetiva, a atual situação das mais de 12 milhões de crianças em Moçambique.