PLANO FERROVIÁRIO

Não brinquemos com coisas sérias!
Correm céleres os autarcas da região, pelas ciclovias semeadas, nos percursos das linhas de via estreita, encerradas pelo poder central com a conivência dos autarcas, que foram comendo e calando, a troco de uns patacos. O cenário está aí. Estações em ruínas, com programas de recuperação que, em muitos casos ficam sem interessados, nos concursos abertos – REVIVE.
Falo do que sei e do que vivi.
A linha do Sabor foi desativada, depois de se ter deixado degradar o material circulante, de se terem desmobilizado as populações, da sua luta contra o encerramento da linha. As carreiras da CP levavam os passageiros à porta de casa, com todas comodidades. A seguir, entregou-se o transporte à empresa privada, que passou a deixar as pessoas na estrada nacional.
O Plano Ferroviário Nacional, agora apresentado, será para ser concretizado até 2050.
NÃO BRINQUEMOS COM COISAS SÉRIAS!
O Plano de Regadio do Vale da Vilariça iniciou-se nos anos 60 do século XX e ainda não está concluído, tendo sido programado nos anos 30 do século passado.
O IC5 continua por concluir e prolongar até à fronteira.
Eu pergunto:
– Qual o compromisso Institucional que obriga o atual e futuros governos a concretizar na prática o PFN?
Seguramente nem eu, nem os atuais governantes, deputados, presidentes e a generalidade da população, terão oportunidade de viajar por esta linha.
O sonho comanda a vida e temos de acreditar. Mas sem um compromisso sério, estes planos terão grande dificuldade em serem implementados nos prazos previstos.
Resta-nos o consolo, de irmos vendo a criação de Núcleos Museológicos Ferroviários em diversos locais, sobre a égide do Museu Nacional Ferroviário, que em muito tem contribuído par a História dos Caminhos de Ferro em Portugal e da Preservação e Recuperação de documentos, instalações e material circulante.
LIGAÇÃO BRAGANÇA-PORTO INCLUÍDA NO PLANO FERROVIÁRIO NACIONAL
CANALN.TV
LIGAÇÃO BRAGANÇA-PORTO INCLUÍDA NO PLANO FERROVIÁRIO NACIONAL
Uma nova ligação por comboio em Trás-os-Montes, que ligará o Porto, Vila Real e Bragança, está incluída no Plano Ferroviário Nacional (PFN). O documento, apresentado ontem, em Lisboa, prevê a criação de uma nova linha ferroviária de passageiros que, para ser competitiva com o automóvel,…
You and 5 others
1 comment
2 shares
Like

Comment
Share
1 comment