Açorianos de Whistler

Açorianos de Whistler

Açorianos de Whistler
Whistler, sim Whistler, na Colúmbia Britânica, no Canadá é a mais açoriana das estâncias de Inverno. Para alguns será até a melhor estância de neve da América do Norte(desculpas para Aspen, no Colorado).
É raro o fim-de-semana onde, nas ruas de Whistler, não se vê uma família de açorianos, aos “gritos”, por causa de algum “acidente” de esqui.
Ou “reclamando” dos preços. Ou ainda por causa das senhoras das lojas e dos restaurantes, muito bonitas, estranhamente, ou não, quase todas emigrantes da Austrália.
“Estás a olhar para onde”?
“Tens bife de lombo em casa e andas a olhar para hambúrgueres da Austrália”? São alguns dos comentários literários da “açorianidade” de Whistler.
A beleza do ciúme açoriano será um poço sem fundo. Ou uma montanha.
E quando ouvimos, uma família de açorianos, aos gritos, felizes, na rua, sabemos que existirão dezenas nos restaurantes de Whistler ou nos hotéis da área.
Será uma questão estatística. Da famosa matemática açoriana.
Desde os anos oitenta, pelo menos, que famílias de emigrantes açorianas escolhem Whistler como destino de Inverno. Ainda bem.
Só que por razões quase óbvias os açorianos não “foram feitos” para o esqui. Não sei se será “da genética”(é mais mar)ou das circunstâncias(a rara neve, nos Açores, é para “selfies” com o Pico).
Resultado? Os açorianos que procuram as montanhas da Colúmbia Britânica serão, talvez, os piores esquiadores do mundo.
E têm, sem vergonha, orgulho na “falta de jeito”.
A maioria, presumo, não viverá em Whistler mas no Sul, em Vancouver e Seattle(alguns virão até da Califórnia).
E depois “existe” a questão da comida.
É verdade. Muitos açorianos vão para Whistler para, desculpem a “clareza”, enfardar.
Eu, como antigo gordo, fico aflito.
É o bife “tomahawk”, corte de carne de vaca brutal ou as carnes de caça como veado ou bisonte. Com “quilos”de ostras da ilha de Vancouver…
Só que na minha família(esposa e filhas)as vegetarianas estão em maioria. Pelo que as discussões, ao jantar, num restaurante onde servem o lombo grelhado da prima da Bambi, nunca acabam bem.
Eu não como carnes vermelhas mas sou a favor da liberdade…Ou seja: acabamos todos a comer “sushi biológico”, vegano, com pepino e cenoura.
E sem razão estou com saudades de uns chicharros fritos com molho de vilão. Em Whistler.
Foto: Whistler.
May be an image of 1 person and skiing
4
Like

Comment
Share
0 comments