GADDAFFI DEZ ANOS DEPOIS

Favourites m1ns4ho0d
GADDAFI – 10 ANOS DEPOIS / OPINIÃO
May be an image of 1 person and standing
Quando a Al-Qaeda entrou de rompante na Líbia apoiada pelo Qatar, pela França, Itália e EUA, Passos Coelho afirmou ser aquela guerra “um novo 25 de Abril”, traindo a pública expressão de amizade que Muammar al-Gaddafi, num gesto sem precedentes, produzira a respeito de Portugal, lembrando sermos o único membro da NATO que estimava amigo da Líbia.
Quem ficou mal naquela infame guerra não foi Gaddafi, mas o Ocidente, e nós em particular. Afinal, o líder líbio não abandonou o seu lugar, foi consequente com a sua promessa de ir até ao fim, morreu ao lado dos seus e não viu um só dos seus fraquejar. Uma família inteira massacrada, sem que um só se entregasse, pedisse misericórdia, abandonasse a arma e se pusesse em fuga. É evidente que nasceu uma lenda, que os combatentes que protegeram e se sacrificaram pelo seu líder – tão poucos perante o mar de energúmenos e dos aviões e bombas por nós pagas – entraram já pelo portal da história. Às vezes, ou quase sempre, a coerência paga-se com a vida. Neste particular, Gaddafi foi um exemplo. Como o leão, foi abatido, pois não cabia numa jaula de jardim zoológico e tinha muito que dizer a respeito daqueles que em nome da democracia – em Washington e Bruxelas – seriam incapazes de arriscar um botão de punho.
Naquela noite, faz agora 10 anos, Hillary Clinton apareceu nas tv’s sorridente e exultante ao assistir à matança de Gaddafi. Terá sido, talvez, um dos instantes mais sórdidos dos anais da política internacional. Infelizmente, Portugal estava do lado de quantos, por cobiça ou tontice, derrubaram um regime que era o tampão das migrações incontroláveis que logo se seguiram.
Adriano Figueiredo and 128 others
13 comments
35 shares
Like

Comment
Share
13 comments
Most relevant

  • Filipa Meireles

    A Al-Quaeda ao serviço da Killary. As imagens dessa mulher a sorrir com a morte de Kaddafi são horripilantes. Ela e o branquíssimo Obama deviam enfrentar o Tribunal de Haia, acompanhados dos fantoches Cameron e Sarkozy. Kaddafi, um homem honesto, que q…

    See more
    3
    • Like

    • Reply
    • 13 h
    1 reply
  • João Salgueiro

    O Tribunal Internacional não existe para estes crimes, são crimes cometidos pelos bons samaritanos. Os maus, são os outros, os terroristas!
    2
    • Like

    • Reply
    • 14 h
  • António Tilly Dos Santos

    Estava convencido que este tipo era um ditador assassino… pelos vistos enganei-me. 😞
    1
    • Like

    • Reply
    • 11 h
  • Lutz Brückelmann

    Muito mau este post do Miguel Castelo Branco. Não porque condena a guerra em que os EUA e aliados derrubaram Gadafi, e com isso ajudaram a criar mais um failed state com guerra civil permanente, essa condeno eu também. Mas porque glorifica Gadafi. A su…

    See more
    1
    • Like

    • Reply
    • 13 h
    • Edited
    1 reply
  • Teresa Frotta

    Com tanto caçador nesta terra e não houve um que comesse coelho-à-caçadora.
    • Like

    • Reply
    • 14 h
  • João Oliveira

    Quer dizer que a Al-Qaeda estava apoiada pelo ocidente?
    • Like

    • Reply
    • 14 h
    2 replies
  • Francisco Osório

    Hoje, o povo da Líbia vive muito pior, graças aos Estados Unidos e quejandos
    • Like

    • Reply
    • 14 h
  • João Coelho

    O povo líbio vive momentos de paz e prosperidade graças à intervenção do ocidente….. expressam essa gratidão cruzando o mediterrâneo….
    • Like

    • Reply
    • 4 h
“Most relevant” is selected, so some comments may have been filtered out.
Write a comment…

ataque bombista no afeganistão

At least 16 people are dead and 32 injured after an explosion tore through a Shia mosque during Friday prayers in the Afghan city of Kandahar.
Pictures from inside the Fatemieh mosque show shattered windows and bodies lying on the ground and other worshippers trying to help.
The explosion’s cause is not yet clear but a suicide bombing is suspected.
One witness told AFP he heard three explosions – at the main door, where worshippers wash, and a third blast.
The mosque was full of people at the time of the blast and at least 15 ambulances were at the scene.
Taliban special forces have secured the site and have asked people to donate blood to help the victims, Reuters reports.
BBC Afghanistan correspondent Secunder Kermani says that IS-K, a local branch of the Islamic State Group, was expected to say it was behind the attack.
Last Friday, a suicide attack on a Shia mosque during Friday prayers in the northern city of Kunduz killed at least 50 people. IS-K said it carried out the attack, which was the deadliest since US forces left at the end of August. (BBC)
May be an image of 5 people and people standing
1
Like

Comment
Share
0 comments

O dia de 1983 em que o mundo esteve à beira de uma guerra nuclear (e como descobrimos só agora) – BBC News Brasil

No início de novembro de 1983, um exercício militar de rotina quase deu início a um confronto nuclear entre a União Soviética e os Estados Unidos.

Source: O dia de 1983 em que o mundo esteve à beira de uma guerra nuclear (e como descobrimos só agora) – BBC News Brasil