não esqueçamos o capitalismo que nos suga

Jose Avila is with Dimas Toledo and
50 others
.
Há coisas que chocam.
Os três Irmãos Walton, donos do WalMart valem $268 biliões. Vou repetir,
$268 biliões, e estão com problemas mentais para aumentarem $1 dólar aos seus 550 mil empregados. Passar de $11.00 para $12.00 dólares.
Entretanto estavam muito excitados em investirem $5 biliões numa coisa qualquer.
Quero acreditar que o velhinho Walton deve estar a pensar lá nos céus que raio de filhos pôs na Terra.
Walmar receives an estinates $6.2 billion annually in most federal taxpayer subsidies. The reason: WalMart pays its employees so littke that many rely on food stamps, healtcare and other taxpayer programs. Walmart avoids an estimated $1 billion in Federal Taxes each year.
Like

Comment
Share
0 comments

Galiza: Imprensa ‘ensina’ condutores espanhóis a circular nas rotundas portuguesas – Rádio Vale do Minho

Regras em Portugal são mais rigorosas do que no país vizinho.

Source: Galiza: Imprensa ‘ensina’ condutores espanhóis a circular nas rotundas portuguesas – Rádio Vale do Minho

Parlamento Europeu aprova velocidade máxima de 30 kms/hora

Começa a tomar forma a ideia de baixar o limite de velocidade para os 30 quilómetros por hora, nas zonas urbanas. Hoje, o Parlamento Europeu aprovou um relatório onde se recomenda a adoção dessa medida, com vista a reforçar a segurança rodoviária. Em concreto, pede-se a adoção de medidas como uma velocidade máxima de 30 […]

Source: Parlamento Europeu aprova velocidade máxima de 30 kms/hora

PAULA DE SOUSA LIMA REGRAS DE BEM CORTEJAR

AMIGOS, cá vai a crónica deste sábado:
Acerca das palavras XXXIII – regras do bem cortejar nas redes sociais
Com um pedido de perdão aos leitores que são alérgicos às redes sociais, dedico esta crónica àqueles que são seus “frequentadores”, muito assíduos, mais ou menos assíduos ou mesmo pouco assíduos. É bastante frequente haver quem use as redes sociais para entabular boa conversação, para dar conta da sua vidinha ou para saber da dos outros, para divulgar uma infinidade de coisas, para contar novidades ou para delas se inteirar, para empreender negócios, para tudo o reportado e mais não sei quê – e tudo isto é legítimo. E também o é procurar nas redes procurar uma relação mais aconchegante, chamemos-lhe assim. Não falta é quem, sobretudo do género masculino, provavelmente por uma questão cultural, busque parelha nas redes sociais – ou apenas se entretenha com a arte do cortejar. Infelizmente, muito o fazem sem arte nenhuma, de forma desajeitada e deselegante. Ora, hoje, qui, tenho como intuito ajudar estas almas românticas, mas com falta de talento. Aqui vão umas sugestões úteis, creio, e simples:
1. Em primeiro lugar, sugiro aos cortejadores que procurem criteriosamente, entre os muitos perfis disponíveis, aquele que mais lhes agrade e que mais se adeque a ser cortejado. Leiam, caros cortejadores, tudo o que está no perfil da pessoa a cortejar, a fim de virem a evitar perguntas desnecessárias, constrangedoras ou impróprias; inteirem-se dos gostos e interesses do alvo da vossa corte; escolham com critério. Como tudo na vida, cortejar implica algum esforço e dispêndio de tempo.
2. Passada esta primeira fase, de pesquisa ou de investigação, muitíssimo importante, abordem o “alvo” através de mensagem privada, obviamente, e façam-no tendo em conta vários requisitos fundamentais, que passo a inventariar:
a) não tratem o “alvo” por tu, pois não é elegante e demonstra uma intimidade que ainda não existe, irá existir mais adiante;
b) não façam elogios excessivos ao aspeto físico do “alvo”, pois este prefere sempre uma abordagem mais subtil;
c) nunca, mas mesmo nunca, perguntem de imediato ao ser cortejado se é casado ou solteiro ou viúvo ou divorciado, isto é de mau gosto e indispõe a pessoa, dado ser indício demasiado claro de que o cortejador quer “algo mais”;
d) façam menção ao interesse que a pessoa cortejada vos desperta no que diz respeito a atividades, gostos, hobbies, etc.
e) nunca, mas mesmo nunca, nunca, façam insinuações de cariz sexual, dado serem de péssimo gosto e mesmo desrespeitadoras do “alvo”; a seu tempo, o que tiver de ser falado (ou feito) sê-lo-á;
f) usem cuidadosamente a língua materna para se dirigirem à pessoa cortejada, coisa sempre apreciada; se não é vosso talento o bem escrever, usem frases curtas, com pontos finais em abundância; os erros ortográficos são imperdoáveis, pois há corretor ortográfico.
3. Se o “alvo” reagir bem a uma primeira abordagem, passem a enviar-lhe, sem exagero, mensagens com frases inspiradoras, emojis engraçados, ligações com boa música, sem esquecer o bom dia e a boa noite. A corte, não esqueçam, precisa de tempo para surtir efeito – ou pouco valor tem.
Espero, caros cortejadores, ter dado um bom contributo para o vosso sucesso. Caso não funcione, olhem, pelo menos não farão má figura, não serão alvo de chacota nem de insultos. E, quem sabe, poderá vir a nascer uma boa amizade com o “alvo”, caso não se desenvolva namoro ou “engate”. Boa sorte.
You, Gabriela Mota Vieira, Henrique Levy and 27 others
4 comments
Like

Comment
Share
4 comments
View 3 more comments
  • Gabriela Mota Vieira

    Paula, muito bom. É pedagoga e psicóloga. Gosto do que escreve e do seu sentido de humor.
    • Like

    • Reply
    • 38 m

INADMISSÍVEL, INTOLERÁVEL, INACEITÁVEL, TRATORES E RUAS ESTREITAS NA LOMBA DA MAIA

Crónica 419, INADMISSÍVEL, INTOLERÁVEL, INACEITÁVEL, TRATORES E RUAS ESTREITAS

 

 

Nem sei se isto é legal! Onde está escrito que tenho de retirar a viatura? fartei-me de fazer o favor de mudar a viatura, são 16 anos de favores…

Irritação habitual, ser acordado de manhã bem cedo em dia de semana, sábado ou domingo (antes das 08.00 horas), ou ter de me vestir de noite cerrada (23.00 horas) para ir tirar a viatura bem estacionada para que os trabalhadores com os seus tratores monstruosos destinados ao oeste americano, pradarias, grandes planaltos espanhóis ou à vastidão australiana, passem nestas ruas estreitas da Lomba da Maia. Ignoro se é legal eu ter de tirar a viatura para suas excelências passarem….aqueles tratores não têm condições para circularem como se vê pelo tamanho deles na foto.

A diferença entre o atraso dos Açores e o mundo civilizado é na existência de leis, normas e seu cumprimento em vez deste faroeste em que se vive. Os direitos de uns não podem atropelar os direitos de outros. Enquanto a mentalidade se mantiver à moda dos anos 1950 isto não avança nem progride. Quem não entende isto vive noutra era, em que se acha normal o feudalismo dos trabalhadores de tratores laborarem 12 horas ao dia, ou mais, sábados, domingos e feriados, (consta que sem remuneração extra ou compensação). Só que esse facto colide com os direitos dos que não estão sujeitos ao feudalismo agrário e têm direito ao descanso, em especial nos fins de semana..

As viaturas têm de se cingir à largura máxima da via utilizável, e se o estacionamento não estiver proibido fica o espaço entre as viaturas estacionadas e a berma ou passeio se existir para transitarem. Além do mais estas viaturas têm de estar sujeitas a horários de circulação, tal como acontece com os TIR, camiões cisternas e outros similares. A situação agrava-se quando há festas e procissões em que plantam nas ruas postes com flâmulas, reduzindo ainda mais a largura da via.

Sei que a vida de condutor de trator é dura e feita em circunstâncias difíceis, dada a precariedade de emprego, e outras condicionantes, mas isso não lhes dá o direito de me obrigarem a levantar e vestir a desoras aos sábados e domingos ou feriados, ou pelas 11 da noite, para retirar uma viatura legalmente bem estacionada para que os monstros dos seus tratores passem.. ao longo de dezasseis anos, irritado, contrariado e agastado sempre condescendi em fazer o favor para que passassem, chegou a altura de dizer BASTA! O CÓDIGO DA ESTRADA e outras normas tanto se aplicam a cidades como a pequenas freguesias ru

 

Chrys Chrystello, Jornalista, Membro Honorário Vitalício nº 297713

[Australian Journalists’ Association MEEA]

Diário dos Açores (desde 2018)

Diário de Trás-os-Montes (desde 2005)

Tribuna das Ilhas (desde 2019)

Jornal LusoPress Québec, Canadá (desde 2020)

evite o reconhecimento facial

May be an image of 6 people and text that says "Facial Recognition AnF makeup"
Recently young adults in Europe are finding ways to beat facial recognition software by covering up or shading specific points on their faces that the software tracks. You’re not allowed to do this but students are rebelling by claiming that this is how they want to express themselves. I think its brilliant because companies spend billions to develop this technology and its being defeated by carnival face paint /and extra strands of hair breaking up the face. Its like camouflage AGAINST A. I.
João Carlos Pijnappel and 3 others
1 comment
Like

Comment
Share
1 comment

AIND AHÁ HUMANIDADE POR AÍ

2uo5tphd Serpsstoembegeru ait 19a:17S
‼Quando Thomas Tuchel se tornou o treinador do PSG em 2018, ele e a esposa contrataram uma empregada de limpeza de origem filipina para cuidar da casa deles.
Esta senhora sempre se mostrou muito profissional e disponível para a família Tuchel. Com o passar do tempo, uma ligação forte se criou e Tuchel e sua esposa aprenderam que essa mulher trabalhava muito para, acima de tudo, financiar uma pesada cirurgia no coração de um dos seus filhos.
Sem questionar, Thomas Tuchel decide financiar a cirurgia na íntegra. A cirurgia está indo muito bem e a criança pode ver a continuação da vida com otimismo. Mas isso não é tudo.
Enquanto Tuchel está cada vez mais ameaçado de ser demitido no PSG, ele pergunta à empregada, qual é o seu maior sonho na vida? Ela responde-lhe que sonha em um dia voltar para a sua terra de infância e construir uma casa e terminar seus dias com sua família que permaneceu no local e que tanto sente falta.
Thomas Tuchel foi então demitido pelo PSG e juntou-se ao Chelsea, mas antes de ir embora, ele não esqueceu da empregada e ofereceu-lhe uma vila sumptuosa nas Filipinas, onde agora vive com a família 🙏❤
Uma atitude impossível de não aplaudir, uma história impossível de não emocionar👏🏽🔥❤
TUCHEL TEM UM CORAÇÃO DE OURO
May be an image of 1 person and text that says "T7 All ACCOR LIVE LIMIT LIMITLESS"
You, Maria Das Neves Baptista, Margarida Hintze and 163K others
15K shares
Like

Comment
Share

Visão | Sindicato da PSP reivindica mais 200 agentes para os Açores

A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia-ASPP/PSP manifestou-se hoje preocupada com o défice de agentes da PSP a transferir para os Açores (26), apontando a necessidade de mais 200 elementos

Source: Visão | Sindicato da PSP reivindica mais 200 agentes para os Açores