Legião de Cristo

ISTO ESTÁ PIOR DO QUE PENSÁVAMOS….
Uma organização chamada «Legião de Cristo», acusada por crimes de pedofilia, também guarda os seus fundos secretos nos off-shores 🤮
Onde anda Deus? para castigar tanta depravação, maldade e ganância?
@ Ryc
May be an image of text
Eduardo Jorge Pereira and 13 others
8 comments
Like

Comment

8 comments

View 6 more comments
All comments

igreja e abusos sexuais

A CAUSA DAS COISAS
«Mais de 200 mil menores que estiveram sob a responsabilidade da Igreja francesa foram, entre 1950 e 2020, abusados sexualmente por dois mil padres e outros membros da hierarquia católica. No total, incluindo abusos cometidos por membros do clero e por leigos, são 330 mil vítimas e 2900 a 3200 abusadores. Não estamos a falar de casos isolados, excecionais, mas de uma violação em massa de menores. De uma cultura instalada. Se não uma cultura de abuso, uma cultura de silêncio e cumplicidade. Como escreveram os autores do relatório da comissão independente que investigou, durante três anos, denúncias de maus-tratos e violações na Igreja Católica francesa, falamos de “uma indiferença profunda, total e até mesmo cruel” por parte da igreja francesa.
Antes de responder perante Deus, um padre abusador responde perante a lei. E a Igreja cúmplice também
ENTREASBRUMASDAMEMORIA.BLOGSPOT.COM
Antes de responder perante Deus, um padre abusador responde perante a lei. E a Igreja cúmplice também
«Mais de 200 mil menores que estiveram sob a responsabilidade da Igreja francesa foram, entre 1950 e 2020, abusados sexualmente por dois m…
Like

Comment
Share

Abusos sexuais: a impenitência da Igreja em Portugal – Sete Margens

O bispo auxiliar de Lisboa Américo Aguiar afirmou ao jornal Público que a “Igreja Católica admite investigação de casos de pedofilia, desde que não seja limitada ao clero”, título da manchete do jornal deste sábado, dia 9. Américo Aguiar sublinha que a Igreja “é a única instituição que, apesar de todos os arrastamentos e dificuldades, está a levar isto a sério”.

Source: Abusos sexuais: a impenitência da Igreja em Portugal – Sete Margens

Pelo menos 216 mil menores foram vítimas de abusos sexuais por elementos da Igreja Católica francesa – Mundo – Correio da Manhã

Acredita-se que o número final de menores vítimas de abusos seja 30 vezes maior do que o apresentado nesta estimativa.

Source: Pelo menos 216 mil menores foram vítimas de abusos sexuais por elementos da Igreja Católica francesa – Mundo – Correio da Manhã

AÇORES, BYE BYE BISPO

May be an image of 1 person, standing and outdoors
D. João Lavrador é o novo bispo de Viana do Castelo
O bispo eleito é actualmente bispo de Angra e presidente da Comissão Episcopal da Cultura, dos Bens Culturais e das Comunicações Sociais.
D. João Lavrador foi esta terça-feira nomeado bispo de Viana do Castelo. O actual bispo da Diocese de Angra, nos Açores, vai ocupar o lugar que a morte de D. Anacleto Oliveira deixou vago há um ano.
D. João Evangelista Pimentel Lavrador nasceu a 18 de Fevereiro de 1956. Natural de Seixo, Mira, foi ordenado sacerdote em Coimbra, a 14 de Junho de 1981, e colocado de seguida como vice-pároco na paróquia de Pombal, onde se dedicou especialmente à pastoral juvenil.
Trabalhou no Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil e integrou, em 1986, o Conselho Presbiteral, sendo escolhido para secretário. Dois anos mais tarde, desloca-se para Salamanca, onde obteve a licenciatura em Teologia Dogmática. Terminou o doutoramento em 1993.
Em Setembro de 1991 foi nomeado reitor do Seminário de Coimbra. Entre esse ano e 2008 foi professor de teologia dogmática no Instituto Superior de Estudos Teológicos de Coimbra.
Também em Setembro, mas de 1997, passou a exercer o cargo de pró-vigário geral da Diocese, designado membro do Conselho Episcopal e secretário desse órgão. Em Outubro de 1998 foi nomeado director do Instituto Universitário Justiça e Paz e coordenador da Pastoral Universitária de Coimbra.
Em Agosto de 1999, o agora bispo eleito de Viana do Castelo foi nomeado cónego do Capítulo da Catedral e Capelão do Carmelo de Coimbra e, posteriormente, designado secretário da Comissão Episcopal da Cultura, dos Bens Culturais e das Comunicações Sociais pela Conferência Episcopal Portuguesa. Passou a ser presidente da mesma comissão em 2017.
A 7 de Maio de 2008 foi nomeado bispo auxiliar do Porto (e titular de Luperciana). Alguns anos mais tarde, em Setembro de 2015, foi designado bispo de Angra. Tem como lema episcopal “Tu Segue-Me” (Jo 21,22).
D. Anacleto Oliveira, o anterior bispo da Diocese de Viana do Castelo, faleceu no dia 18 de Setembro de 2020, aos 74 anos de idade, na sequência de um despiste de automóvel.
A diocese vianense foi criada a 3 de Novembro de 1977, quando o Papa Paulo VI separou da Arquidiocese de Braga o território correspondente ao distrito de Viana. D. Júlio Tavares Rebimbas, o primeiro bispo da diocese, teve a entrada solene e tomada de posse a 8 de Janeiro de 1978.
Like

Comment
0 comments