Arquivo de etiquetas: jornalismo/journalism

GET WELL SOON ANDRÉ BRADFORD

Neste dia, há precisamente 6 anos, estávamos a viver um dos dias mais felizes da nossa vida em conjunto. Jurámos perante a lei aquilo que nos ia no coração.
Hoje eu ia chegar a casa depois do Telejornal, e tu havias de estar cansado das travessuras dos miúdos enquanto eu tinha estado a trabalhar. Mas íamos jantar fora, num restaurante com vista sobre a baía de Ponta Delgada; aquele onde nos conhecemos, sem sonhar que um dia íamos escrever uma tão bonita história de amor. Ou então íamos ficar por casa porque os rapazes “estão levados dos 600”. Eu ia ligar a encomendar sushi – com dose extra de sashimi para a Amélia! Vocês iam buscar o jantar enquanto eu deitava Andrézinho… Íamos comer sushi e beber aquele vinho que descobriste através daquela aplicação “brutal” que o Chico te disse para instalar.
Íamos cantar-nos os parabéns e fazer um brinde “a nós e às empreitadas todas a que nos temos proposto fazer em tão pouco tempo, amor!”. E eu ia pedir muita saúde, para irmos velhinhos nas viagens de grupo da terceira idade (conversa à qual eu não posso aqui dizer, em público, qual era a tua reação). Íamos rir muito, e dizer que nos amamos… E ias agradecer novamente o esforço que eu estava a fazer para que o novo desafio que abaçaste com tanto orgulho e dedicação fosse possível.
Ia ser isso tudo, amor.
Mas hoje… Estás a lutar pela vida. E eu estou aqui, a lutar por nós.
Há 6 anos, não prometemos perante Deus que seria “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença”. Mas fizemo-lo quase todos os dias da nossa vida.
Volta para nós, meu amor. Estou a morrer de saudades tuas….

Image may contain: 2 people, people smiling, wedding
Please follow and like us:
error

jornalismo e guerra colonial

Os estudos sobre a imprensa jornalística colonial portuguesa são escassos. Com este artigo propõe-se um contributo para a caracterização da imprensa diária de Angola, em vésperas da guerra colonial, traça-se um perfil dos quatro jornais que se publicavam em 1960 e procuram-se nas opções jornalísticas padrões e singularidades no seu posicionamento editorial – um exercício importante num regime autoritário, sem liberdade de imprensa. Uma das conclusões aponta para a ausência de sinais de luso-tropicalismo. (…)

[artigo de João Manuel Rocha, na revista Ler História de julho de 2019]

JOURNALS.OPENEDITION.ORG
Já sopravam os ventos de mudança em África, embora Portugal vivesse em negação quanto ao futuro das suas “províncias ultramarinas”, então…
Please follow and like us:
error

ASSANGE E O MUNDO CALADO E IMPÁVIDO

MEDIA E PODER – EQUADOR/REINO UNIDO

About This Website

 

BRASIL.ELPAIS.COM
EL PAÍS tem acesso aos vídeos, áudios e relatórios que confirmam a espionagem a que foi submetido o ciberativista na embaixada do Equador no Reino Unido
Please follow and like us:
error

Circuito Internacional de Vila Real

 

 

 

 

Rui Guimarães shared a post.
4 hrs

0:00

FOI AQUI EM 1966 QUE COMECEI A MINHA CARREIRA DE JORNALISTA…LER DE CHRÓNICAÇORES UMA CIRCUM-NAVEGAÇÃO .cronica 95 JORNALISMO
3,779 Views
Circuito Internacional de Vila Real

Venham receber os pilotos na praça do município às 16:30! #AceleraVilaReal

Please follow and like us:
error

Diário | Os 70 nomes portugueses nos Panama Papers já publicados

No último mês, o Expresso e a TVI, em parceria com o Consórcio Internacional de Jornalistas e Investigação, encontraram mais de 300 nomes portugueses nos ficheiros da Mossack Fonseca. A investigação levou já à publicação de 70 desses nomes. No dia em que o Consórcio torna pública uma parte substancial da base de dados, veja o balanço e a lista dos nomes já tornados públicos.

Source: Diário | Os 70 nomes portugueses nos Panama Papers já publicados

Please follow and like us:
error

Pilger: é hora de salvar o jornalismo – Outras Palavras

Há uma guerra global pelo controle de informações. Divulgá-las provoca fissuras no sistema, como já fizeram Assange e Greenwald. O direito a saber é a batalha do século. É por isso que governos autocráticos declaram cruzada contra dissidentes

Source: Pilger: é hora de salvar o jornalismo – Outras Palavras

Please follow and like us:
error