qualificações e cunhas

Um rapaz termina o 11.º e não quer estudar mais.
O pai recorre a um amigo influente para que lhe arranje um emprego.
3 dias depois o amigo liga-lhe:
– Zé…já consegui: Assessor do Ministro da Saúde; 5 mil euros para começar!
-Nem pensar! O rapaz nem acabou o secundário, não vai querer estudar nunca mais, tenta algo mais abaixo…
Dois dias depois:
– Zé…secretário da Assembleia, salário modesto: 3 mil euros. Está bem assim?
– Nãooooo!!!! Algo com um salário menor, eu quero que o rapaz tenha vontade de estudar depois… Vê se consegues outra coisa.
– Zé…não sei se ele vai aceitar, mas tem um de assessor da câmara que é só 2.500 euros.
– Não, não…ainda é muito, aí é que ele não estuda mais, mesmo…
– Olha Zé…a única coisa que eu posso conseguir é alguma coisa de informática, relações públicas numa empresa pública… mas aí o salário é muito baixo … talvez uns 2 mil por mês e nada mais…
– Rodriguez, isso não, por favor, alguma coisa de 800 a 1200 euros…no máximo!
– Isso é impossível Zé!
– Mas…por quê?
– Porque com esse salário, eu só tenho vaga para professor, enfermeiro ou médico e aí tem de ter CURSO SUPERIOR, MESTRADO, DOUTORAMENTO … fica muito difícil, tem que estudar muito e ainda ir a concurso!
5

Publicado por

lusofonias.net

Chrys Chrystello jornalista, tradutor e presidente da direção e da comissão executiva da AICL