poesia de sábado

De: Olegario Paz <[email protected]>
Date: sáb, 27 de abr de 2019 às 09:05
Subject: FW: PorqueHojeEhSabado – 400 [2019.04.27]
To:

 

Bom dia.
Açorianidade – 400 [João Barreiros-“Eu sou ilha”_G. C. Lajes-“Ilhas de bruma”]

Barreiros, João (1970), construtor civil, açoriano de afeição, natural de Marco de Canavezes, residiu e trabalhou na cidade da Praia da Vitória, Ilha Terceira.
Haja saúde.
Oleg.
Please follow and like us:
error

poesia moderna

Chrys Chrystello shared a post.

é belo, poesia na sua pureza máxima…eu não o diria melhor por palavras…

Comments
Write a comment…
  • Jose Antonio Salcedo Até fiquei emocionado!
    é belo, poesia na sua pureza máxima…eu não o diria melhor por palavras…
Please follow and like us:
error

recordar o 1º de abril 1976

469.2. le poisson d’avril, abr 1, 1976

(hoje, todos os jornais cumpriram

nem uma só mentira se imprimiu

era a verdade toda

a do sonho não vivido

talvez possível

em letras garrafais

  • HOJE DIA NACIONAL DE ENGANOS É LÍCITO DIZER A VERDADE –

proclamava o editorial)

a duas colunas no canto esquerdo

a páginas quinze

era minha a foto e o nome

nem me impressionou!

ri mesmo com desprendimento

negra cruz encimava frontispício

dizeres os do costume

a missa presente no corpo do finado

hora a habitual

na residência

o féretro sairia para jazigo familiar

lembram-se de cada!

(claro que me importei quando o padre disse

que ELE me chamara à sua presença)

todos compungidos

choravam rezas e eulogias

vestiam negro

exceto as flores

e as palavras vazias

adivinhei um sorriso dissimulado

nos lábios da viúva

andei por aqui e ali

ouvindo este e aquele

pediam à minha alma

que os libertasse

queriam alívio

disfarcei-me por entre sombrias colunatas

e fugi

(ainda hoje me procuram!)


469.1. dia de enganos, abr 1, 1976

nesse dia acordou irritado

logo por azar estremunhado

notaria a seu lado

a mulher

morta há dez anos

os ossos espalhados pela cama

pressupunham

aqui e além

um certo descuido

mas que diabo!

voltou-se para a janela

tentando adormecer uma vez mais

invariavelmente o fazia em dias como aquele

foi então

atiraram a bola à vidraça

o quarto ficou estrelado

mil sóis recortavam-se no ladrilhado

esforçou-se por manter a calma

ocultou a face no travesseiro

agarrou a almofada

freneticamente

num esgar sensual

ao longe tiniam campainhas

não havia dúvidas

iria ser um dia mau

decidiu-se a folhear o matutino

recusou-se a acreditar

limpou os óculos

estava lá

sem engano possível

em título de caixa alta

em editoriais se consagrava

o sonho supremo da humanidade

por decreto presidencial

dum senhor que ninguém elegera

ia ser promulgada e publicada

no diário da governação

com força institucional

A D E M O – C R A – C I A

em termos mui solenes

o governo advertia

dentro de 24 horas

em cerimónia apropriada

nascia a democracia

e zás! nem quis ligar a televisão

quieto e calado tresleu

era demais!

violento choque!

democraticamente

sem se dar conta

caiu para o lado com um baque surdo

morreu na cama

e em jejum

democrata de nascença.

Please follow and like us:
error

poesia ao sábado

 

– Forwarded message ———
De: Olegario Paz <[email protected]>
Date: sáb, 30 de mar de 2019 às 08:33
Subject: FW: PorqueHojeEhSabado – 398 [2019.03.30]
To: Oleg olegpaz <[email protected]>

Olá!

Bom dia.

Açorianidade – 398 [Fernando de Sousa, “Primaveras”. Vivaldi, “Primavera”].

Sousa, Fernando de. «Um poeta, um dos melhores poetas faialenses do último quartel do século passado” (séc. XIX).

Haja saúde!

Oleg.

398_Fernando de Sousa_Primaveras

Please follow and like us:
error

belo presente no dia dos poetas

acabo de ser nomeado

Chrys Chrystello

Vicepresidente de Poetas del Mundo – Oceanía

Nacionalidad: Australia

E-mail: [email protected]

http://poetasdelmundo.com/detalle-poetas.php?id=670

http://poetasdelmundo.com/detalle-poetas.php?id=670

 

Estimado Poeta,

Te agradecemos que hayas aceptado este nuevo compromiso con nuestro movimiento Poetas del Mundo, vamos a trabajar juntos por hacer cada día más grande nuestra organización en Oceanía, cuenta siempre con mi apoyo en todo lo que te propongas hacer en tu continente con Poetas del Mundo.

En adjunto te envío el nombramiento oficial para que le des el uso que tú estimes conveniente.

Te escribo con copia a nuestra directiva mundial para que tengas el contacto directo con ellos en caso de ser necesario.

En la página de Poetas del Mundo, en la sección de Oceanía, ya apareces con el título de Vicepresidente por Oceanía:
http://poetasdelmundo.com/oceania.php

Ya puedes pensar en una reestructuración de los cargos en tu continente, ya sea un Subsecretario para Oceanía, Secretario Nacional y embajador para cada país.

Recibe nuestro abrazo fraterno!

Please follow and like us:
error