GRETA É UM NOVO MILAGRE DE FÁTIMA?

João Simas

54 mins

Não sei porquê (retórica fácil :até sei, mas não digo), lembrei-me dos pastorinhos de Fátima e dos seus dizeres e da época em questão (mortandade geral da Grande Guerra, Revolução Soviética, República Portuguesa, crença/descrença, ascensão de certos regimes nos anos e décadas posteriores).
Creio que também os mitos devem ser refletidos.
Ora, os pastorinhos não iam à escola, pastoreavam as ovelhas (hoje chama-se trabalho infantil) e a alimentação deveria ter sido pouco rica, dado até que dois deles morreram precocemente. A resistente foi para um asilo ou orfanato, depois para vários conventos,onde foi instruída, passou a maior parte da vida em reclusão e mantinha-se como guardiã de segredos, ditos quase só ao Bispo de Leiria da época e a um Papa polaco. Mas parece que muitos mais sabiam, o que foi confirmado depois de acontecer.
Pouco falava e era ouvida pelas multidões à espera da Salvação. Diria que muitas destas multidões esperam que uma criança ou adolescente salve o mundo. Também dá jeito, pôr os outros mais novos a trabalhar para aquilo que muitos acham que é preciso, descansando depois de alguns entusiasmos, continuando à espera de milagres em vez de se atirarem às medidas necessárias e quotidianas.

<iframe src=”https://www.facebook.com/plugins/post.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Fchrys.chrystello%2Fposts%2F10221079074351160&width=500″ width=”500″ height=”429″ style=”border:none;overflow:hidden” scrolling=”no” frameborder=”0″ allowTransparency=”true” allow=”encrypted-media”></iframe>
Please follow and like us:
error

Publicado por

lusofonias.net

Chrys Chrystello jornalista, tradutor e presidente da direção e da comissão executiva da AICL

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.