boletim fle 30/4/13

 

No meio da permanente crispação que em Portugal envolve as discussões sobre educação, é muito comum verificarmos que o enfoque raramente é colocado no aluno e na qualidade dos resultados, para se perder em assuntos conexos e pouco importantes para os Portugueses.

 

E, de facto, é na qualidade dos resultados educativos, medidos pelas repercussões positivas que a escola tem no desenvolvimento das novas gerações, que deverá centrar-se toda a discussão, pois dela depende o futuro do nosso País.

 

Numa interessante abordagem à escola e à liberdade, o Professor Doutor Ruben de Freitas Cabral, analisa o problema da autonomia das escolas questionando de forma transversal todas as componentes associadas à educação e à instrução: Valerá a pena a escola que hoje temos? Para que serve? Estará ela centrada nas efectivas necessidades dos nossos alunos?

 

Explicando qual é o impacto da autonomia no funcionamento do sistema, e mostrando que é possível, com menos recursos, criar uma escola mais significante com um reforço efectivo da qualidade e dos resultados e uma valorização do trabalho dos professores, o Professor Ruben Cabral demonstra que é possível fazer mais e melhor.

 

O caminho é o da liberdade… com responsabilidade e rigor. Esse é, sem sombra de dúvidas, o caminho de Portugal.

 

Assista AQUI ao testemunho do Professor Ruben Cabral no Canal FLE

 

FLE – Fórum para a Liberdade de Educação

www.FLE.pt

 

O FLE no Facebook

Canal FLE no Youtube

Documentos FLE

 

Aos pais pertence a prioridade do direito de escolher o género de educação a dar aos filhos

Art.º 26º da Declaração Universal dos Direitos do Homem

 

 


Powered by Joobi
 

Please follow and like us:
error